Book Haul: Outubro 2014

Oi amores, tudo bom? Hoje finalmente  eu consegui liberar o vídeo do Book Haul do mês de Outubro. E só acho que vale a pena assistir pois quase fiquei cega para conseguir gravar para vocês .. hahahaha

Vídeo sobre Experiência de compra na Amazon Brasilclique aqui

Compras:
1) Alice no país das maravilhas – Lewis Carroll
2) Peter Pan – J. M. Barrie

Recebidos:
1) Se arrependimento matasse – Alma Cervantes
2) Padma – Kelly Hamiso
3) A ilha de Kansnubro – Andrews Ulisses
4) Labirinto de espelhos – Bárbara Negrão
5) 2363 – Y. N. Daniel
6) Reflexões de um sujeito à toa – Adhemyr Fortunatto

XOXO

Para acompanhar o Sweet Little Books nas redes sociais, clique nos links abaixo

Facebook * Twitter * Instagram * Skoob  *  Youtube

Anúncios

PING PONG Interview – com Giulia Paim

Oi amores, tudo bom? Conforme prometido, vou manter a categoria de entrevistas do Blog mais ativa! E a convidada mega fofa de hoje é a Giulia Paim, autora de ‘Boston Boys’ que foi lançado esse ano pela Editora Grupo 5W.

_DSC0267

Sweet Little Books – Primeiramente, muito obrigada por conceder essa entrevista para o Blog.

Giulia – Imagina! Muito obrigada a você pelo interesse de fazer a entrevista comigo! 🙂

SLB – Para início de conversa, me conta um pouco sobre você? Quem é a Giulia Paim?

G – Hm… Sobre mim… essa é difícil… Posso perguntar aos universitários?! Brincadeira, hahaha.
Acho que uma das coisas que mais me descrevem é minha Síndrome de Peter Pan. Sinto que sou uma eterna criança. Posso já ter 18 anos, dirigir e trabalhar, mas ainda tenho a magia e inocência de uma criança na minha mente. Gosto de criar meus próprios universos e até viajar pelos que já existem sempre. Acha que é fácil ser aluna de Hogwarts, passar as férias no Acampamento Meio-Sangue E arranjar tempo para estudar Publicidade? Além do mais, ainda aguardo ansiosamente que a Disney abra um processo seletivo para contratar uma nova princesa! Quem sabe eu não consigo? Hehe.

SLB – Quando sua vontade de escrever surgiu?

G – Desde que descobri o que era criar algo. Qualquer coisa. Um desenho, uma história, um personagem… Lembro que quando tinha uns 3 anos, corria para trás do sofá com meus bonecos e fazia pequenas peças de teatro para meus pais e avós. Eles gostavam tanto que isso foi me estimulando a criar cada vez mais!
Depois comecei a criar meus livrinhos, aos 6 anos. Eram bem improvisados, do tipo, folhas de papel dobradas com números de páginas, um textinho pequeno embaixo contando a história e um desenho para ilustrar. Dois anos depois, tive acesso ao meu primeiro computador, e aí já viu, né? Wordpad virou meu novo melhor amigo e lar das minhas historinhas. E quando eu descobri que poderia mudar a cor da letra? Veio a onda de pequenas histórias cor-de-rosa, azuis, verdes…

fotooo-640x340

SLB – Você acha que se pudesse voltar no tempo, faria algo diferente para ter outra profissão?

G – De jeito nenhum. Sinto que isso sempre esteve dentro de mim. Mesmo antes de escrever já queria ser criadora de histórias. Se bem que, claro, se pudesse voltar no tempo para o momento em que… digamos, um caça-talentos me descobrisse como atriz e cantora revelação e futura ganhadora de um oscar ou grammy, não iria dizer não, certo? ;D

SLB – Qual foi a inspiração para escrever “Boston Boys”?

G – Foram duas inspirações, principalmente. A primeira foi um vídeo que assisti do vlogueiro Felipe Neto em 2010, que falava justamente sobre um grupo de meninos que fazia sucesso aqui no Brasil, e ele não entendia o motivo desse sucesso, pois os achava bobinhos e sem-graça. A segunda inspiração foi minha própria mãe! Ela um dia me contou que decidiu largar seu emprego num escritório para produzir um grupo musical de meninas. Juntei essas duas experiências e PLIM! A ideia surgiu!

SLB – Quem são os autores que você mais admira?

G – JK Rowling, pois ela foi capaz de criar um universo novo que cativou, cativa e vai continuar cativando pessoas de todas as idades por muito tempo. Dan Brown, pois ele é autor de dois dos meus livros favoritos que me prenderam como uma camisa de força (Anjos e Demônios e Código da Vinci). Stephen King pois ele conseguiu fazer com que eu, uma das pessoas mais medrosas do universo, se apaixonasse por histórias de terror.  Meg Cabot, autora da série “Diário da Princesa”, que me fez me apaixonar e mergulhar de cabeça no mundo dos livros. E por fim, Thalita Rebouças, que me fez acreditar ser possível me tornar escritora no Brasil.

SLB – Você está começando neste universo literário agora com seu primeiro romance certo? Já enfrentou algum problema? Pois sabemos que não é fácil ser autor iniciante no Brasil.

G – Na verdade, já publiquei um conto na antologia “Amores Impossíveis”, junto com outros 19 autores, lançada no ano passado. “Boston Boys” é minha primeira obra exclusiva a ser publicada.
Tive dificuldade em encontrar uma editora que quisesse apostar no meu trabalho. É compreensível, pois é um mercado bem difícil de entrar, ainda mais eu sendo uma escritora iniciante e bem nova. Felizmente, não deixei isso me abater, pois sabia que até a própria JK Rowling, autora de uma das melhores sagas do planeta, recebeu vários “nãos” também.

GiuliaPaim2

SLB – O que você acha que deveria mudar para os autores brasileiros serem mais valorizados?

G – Acho que já está mudando, aliás. Por causa das redes sociais tão fortes hoje em dia, está mais fácil de aparecer para os leitores e ser reconhecido. As livrarias também, agora juntam mais os autores nacionais com os internacionais na sua exposição, diminuindo esse preconceito com autores nacionais que existia há pouco tempo.

SLB – Qual o seu maior sonho?

G – Parcialmente ele já se realizou, que era publicar um livro. A próxima fase agora é ver meu livro se transformar em um best-seller internacional! Ter um parque com o tema de um universo criado por mim não seria nada mal, também :3

SLB – Gostaria de deixar uma mensagem para os leitores do Sweet Little Books?

G – Espero que tenham gostado de saber um pouco sobre mim e que gostem de “Boston Boys”! Continuem lendo sempre, todos os gêneros, e para qualquer um que tenha o sonho de se tornar escritor ou escritora, corram atrás! É super possível! 😀

Rapidinhas
Um filme:
A Bela e a Fera
Uma música: Prodigal – One Republic
Uma pessoa: Sandra Paim, a.k.a, mamãe 🙂
Um amor: Comida
Um defeito: Preguiça
Uma qualidade: Criatividade
Um lugar: Disney
Uma frase: Nunca cresça. (Peter Pan)

Não é uma fofa? ❤ Eu amei entrevistá-la e espero em breve ler seu livro. Aliás, aqui estão os links de compra, e também para conversar com a autora:

Comprar Boston Boys  –  Facebook  –  Skoob 

Espero muito que vocês tenham gostado!

XOXO

Para acompanhar o Sweet Little Books nas redes sociais, clique nos links abaixo

Facebook * Twitter * Instagram * Skoob  *  Youtube

Resenha: Paris versus New York – Vahram Muratyan

foto 4 (14)

Eu comprei ele na Bienal do Livro de São Paulo deste ano por dois motivos: ele é muuuuuito fofo e estava muito barato (R$ 9). Não dava para resistir né?

O autor é designer e artista plástico. Em 2010 ele criou o blog Paris versus New York e o sucesso foi tanto que deu origem a este livro, publicado em diversos países!

foto 2 (17)

Ele não possui uma história. É um livro ilustrativo que mostra de um lado uma cena de típica de Paris, e do outro a cena corresponde em Nova York.

foto 1 (18)

Logo ele é muito rápido de ser ‘lido’. Mas é um livro tão bonito que (pelo menos eu) toda hora você quer abrir uma página e olhar umas imagens.

Aliás, mesmo ele não possuindo história, nós conseguimos fazer uma análise das duas cidades atráves da visão do artista. Por exemplo, na forma como a pressa e a vida cosmopolitan está tão inserida em Nova York, igualmente a arte e tranquilidade está em Paris.

foto 2 (18)

Eu sonho em conhecer as duas cidades, e o livro só aumentou a minha vontade! Espero poder realizar esse desejo em breve s2

foto 3 (18)

Ah, e a edição da Editora Intrínseca está um amor! Capa dura, com uma cor bem chamativa. É um livro que vai deixar sua estante mais bonita e charmosa com certeza!

Alguém já viu? O que achou?

XOXO

Para acompanhar o Sweet Little Books nas redes sociais, clique nos links abaixo

Facebook * Twitter * Instagram * Skoob  *  Youtube