PING PONG Interview – com Laura Conrado

A entrevistada de hoje é a autora da série Freud, Me Tira Dessa!, lançado pela Editora Novo Século. A linda da Laura Conrado.

LauraConrado por Sarah Torres

Foto da Sarah Torres.

* Nome completo: Laura Conrado
* Cidade: BH (amo!)
* Apelido que gosta: Meus amigos e familiares me chamam de Laurinha, Lá ou Lalá. Gosto de todos!
* Estado civil: Solteira
* Aniversário: 26/8
* Cor predileta: Amarelo, laranja, rosa, branco, preto, azul, roxo. Quase todas, né?!
* Filmes: O Fabuloso Destino de Amélie Poulain e mais alguns outros de drama e comédia.
* Livros: Encontro Marcado (Fernando Sabino), O Porão (Dostoiévski), Antes do Baile Verde e a Estrutura da Bolha de Sabão (Lygia Fagundes Telles), A Hora da Estrela (Clarice Lispector)
* Séries: Friends e Sex and The City.

PING PONG Interview

SLB –  Primeiramente, Parabéns pelo Prêmio Jovem Brasileiro como destaque na Literatura de 2012. Como foi essa conquista?

Laura – Obrigada! Foi realmente uma surpresa. Freud, Me Tira Dessa! havia sido publicado há 5 meses, já estávamos na segunda edição, mas não imaginava ser premiada. Eu me dedico muito, trabalho duro mesmo e ser agraciada com um prêmio nacional é realmente compensador. Pura emoção!

SLB – Você acha que os autores brasileiros estão sendo mais valorizados? A internet facilita ou não esse reconhecimento? Afinal você ganhou o prêmio de melhor chick-lit nacional, pelo voto do público, e a internet deve ter sido fundamental.

Laura – O mercado nacional está numa fase boa. As editoras têm investido e muita gente boa está despontando. Mas também, nunca fui do time dos pessimistas. Não é fácil ser autor e viver de livros, mas sempre acreditei que para os bons e esforçados há espaço. Tomei coragem e fui. A internet ajuda e muito na divulgação. Alcanço leitores de cidades que ainda não fui. Acredito que temos que saber usar, pensar na comunicação, na linguagem do meio e planejar ações para usar bem a ferramenta.

Ter um livro de minha autoria considerado o melhor chick-lit nacional (Destaques Literários 2012) foi outra surpresa das boas, Justamente por ser voto do público. Meu twitter não é lotado de seguidores, não possuo zilhões de amigos no Face e estava bem no começo. Naquela hora, acreditei que o título estava popular. Foi uma alegria!

SLB – Você possui quatro livros publicados correto? Dois infantis e dois juvenis. Por que esta mudança de público?

Laura – Eu dava aula em escolas comunitárias quando mais nova, convivia com crianças. Logo, quis escrever para elas. O tempo passou e senti necessidade de escrever histórias parecidas com o que eu vivia, que combinassem com minha idade. Acredito que a mudança proporcionou mais identificação da minha parte e, consequentemente, dos leitores.

SLB – É mais fácil escrever para criança ou para jovem?

Laura – Todos os públicos têm seu desafio. Gosto muito de trabalhar com as duas linguagens.

SLB – Qual foi sua inspiração para escrever a série Freud, Me tira dessa! ?

Laura – Inspirei-me em algumas vivências minhas. Fiz análise por muitos anos, quando mais nova me apaixonei meu antigo analista. Vi na história um potencial para emocionar e fazer rir. O título foi tão bem recebido que virou série. Não poderia estar mais feliz. Falar dos conflitos humanos me faz aprender muito sobre mim e o outro.

SLB – Você sempre quis ser escritora ou pensava em outra profissão?

Laura – Desde pequena sonhava em ser escritora! Mas não é um caminho fácil, que tem faculdade ou um escola que te ensina como publicar um livro. Então optei pelo jornalismo

SLB – Quem é sua maior inspiração?

Laura – Não sei se alguém específico, mas as pessoas, de forma geral, me inspiram. Adoro ler biografias, ver entrevistas, conversar, ouvir histórias… A vida real é muito rica e me dá ideias.

Laura por Sarah Torres

Foto de Sarah Torres.

SLB – Quais autores ou autoras você mais admira?

Laura – Gosto muito do trabalho de alguns colegas contemporâneos, que estão em plena produção e estourando por aí. Mas fico receosa de citá-los e me indispor com os outros! Gosto muito da Clarice Lispector, que além de escrever bem, fala bem. Gosto do ar de desafio que ela passa, a acho chiquérrima!

SLB – Como foi aquela primeira experiência com um fã? Quando ele te reconheceu na rua ou em algum lugar?

Laura – Cada abordagem é uma emoção. Nada para mim é igual. Fico felizona com os e-mails, mensagens etc. São poucos os escritores que são parados na rua. Acredito que sejamos mais abordados em eventos literários. Vivi coisas muito legais como gente que leu uma entrevista minha e foi num lugar me ver. Ano passado, na Bienal de SP, quando estava bem no começo, uma pessoa me viu na fila de uma lanchonete e disse não acreditar me ver ali, como se eu fosse “famosona”. No fim das contas, me sentei com ela, comemos juntas. As pessoas são sempre bem-vindas.

SLB – Onde você se vê daqui há 10 anos?

Laura – Espero muito que continue a crescer e conquistando mais espaço no mercado literário. Quero estar com alguma obra publicada no exterior e, quem sabe, alguma adaptação para cinema ou televisão.

Também espero que tenha começado uma família.

SLB – Você possui planos para uma nova publicação? Conta um pouco mais.

Laura – Está previsto para abril de 2014 a continuação de Freud, Me Tira Dessa!, com saga da Catarina.Em setembro deve sair o segundo volume da série teen, Quero Ser Pop. Ambos pelo Novo Século Editora.

No primeiro semestre de 2014 sairá um projeto de releituras de Shakespeare que participei, o Shakespeare e Elas, pela editora Autêntica. Fiz Sonho de Uma Noite de Verão e amei. Estou bem animada com o próximo ano!

SLB – Gostaria de deixar uma mensagem para os leitores do Sweet Little Books?

Laura – Queridos e queridas, obrigada pela atenção e pelo carinho. Para falarem comigo, basta acessar o lauraconrado.com.br, me seguir no @laura_conrado ou no Face. Espero que continuem curtindo o blog e bons livros! Tudo de bom, pessoal!

—————*————–

Quem quiser acompanhar a Laura nas redes sociais, é só entrar nos links abaixo

Fanpage da série Freud, Me Tira Dessa!     *      Site da autora

Para comprar os livros:

Freud, Me Tira Dessa! – clique aqui

—————*————–

XOXO

Para acompanhar o Sweet Little Books nas redes sociais, clique nos links abaixo

Facebook * Twitter * Instagram * Skoob

Anúncios

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. AntimidiaBlog
    nov 29, 2013 @ 12:10:05

    Republicou isso em reblogador.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: